Documento sem título Vender no Mercado Livre
jul 052013
 


mutum-operacao-da-policia-militar-apreende-armasNa data de 04jul13 durante realização de operação a polícia militar de Mutum levantou informações que um cidadão possuía várias armas de fogo em sua residência.

De posse dos dados coletados, duas equipes de policiais deslocaram para o endereço de referência onde em parlamentação com o cidadão na presença da testemunha foi franqueada a entrada no interior da residência e durante buscas no imóvel foram encontradas: um rifle calibre .22 marca rossi; um revolver calibre .38 marca taurus e um revolver calibre .32 marca smith wesson; além de dez cartuchos calibre .22 intactos; quatro cartuchos calibre .38 intactos; duas cápsulas deflagradas calibre .38 e quatro cápsulas deflagradas calibre 36.

Fonte: Policia Militar de Mutum

jun 282013
 


soscafeiculturaAcompanhado a onda nacional de protestos os cafeicultores da Zona da Mata Mineira vão manifestar sua insatisfação na próxima segunda-feira (01/07) no Trevo de Realeza na Zona da Mata. Em pleno período de colheita os produtores estão enfrentando dificuldades para arcar com o alto custo da mão de obra para colheita, que no geral chega a representar 40% do custo total do café. Os baixos preços do café, que são os menores recebidos em 4 anos.

Para o analista Marcus Magalhães precisa haver união, “imagine se por apenas 24 / 48 horas todo o negócio café parar no mundo, cruzando os braços, demonstrando o grau de insatisfação que os produtores estão como relação as falsas premissas, falsos dogmas e as vezes especulações, sem precedentes,” afirma.

Segundo o produtor Leonardo, “será reivindicado que os governantes olhem para a cafeicultura principalmente nos que somos da região da zona da mata mineira pois estamos pagando para trabalhar, e é isto mesmo nossa produção é bem mais cara do que a venda da saca de café,” defende.

Situação semelhante é relatada na Região do Cerrado Mineiro, pelo produtor que usa o codinome “Zeus”, que reclama da manipulação de preços por parte de analistas de mercado, que tem levado o produtor a trabalhar no prejuízo e chega a denominar a situação de “Produção Escrava”.

A produtora Célia Sousa, da cidade sul minera de Boa Esperança, desabafou a indignação vivida por grande parte dos produtores. “Estou com vergonha do preço do café. Cadê a melhoria? (…) Em plena safra, será possível contratar funcionários vendendo café a R$ 280 a saca de 60 kg? (…) Onde está o apoio do Ministério da Agricultura (…). No mínimo, precisamos de R$ 400 por saca. Meu Deus, quanto descaso, quanta vergonha”.

Fonte: www.cccmg.com.br/Conteudo/Noticias/9778/Cafeicultores-da-Zona-da-Mata-Mineira-preparam-protesto-para-o-dia-01-07


jun 222013
 


manifestacao-em-mutum-mg_22_06_13-036Mutum não ficou de fora. Foi organizado uma manifestação contra todos os assuntos que envolve a população brasileira no que diz respeito a seus direitos. Os temas abordados foram: educação, saúde, segurança e trabalho.

Participaram cerca de 100 pessoas. Tudo ocorreu de forma tranquila, sem nenhum manifestante mais exaltado querer provocar desordem.

Vários cartazes foram confeccionados com frases que pediam mais educação, menos corrupção, salário digno pra todos, etc.

manifestacao-em-mutum-mg_22_06_13-038A Polícia Militar garantiu a segurança de todos para que tudo corresse bem.

Por onde manifestação passava, aqueles que não puderem estar presente, elogiavam a atitude.

Veja mais fotos AQUI.

 

manifestacao-em-mutum-mg_22_06_13-100

%d blogueiros curtiram isso: